Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
Porto Alegre, 16 de Dezembro de 2017. Aumenta a Fonte [ A + ]   [ A - ]  
 
30/07/2010

Em defesa do SUS

CFM expõe situação do SUS e defende fortalecimento do sistema


O 1º vice-presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Carlos Vital, expôs aos participantes do XII Encontro Nacional das Entidades Médicas (Enem), nesta sexta-feira, dia 30, uma síntese da história e da estrutura dos sistemas de saúde e de assistência social brasileiros. Vital destacou a importância do surgimento do Sistema Único de Saúde (SUS), em 1988, que marcou a ruptura com uma modelo assistencial privatista.
“A ruptura com as diretrizes do antigo modelo assistencial consolidou-se com o SUS, que é fundamentado nos princípios da descentralização, do atendimento integral e da participação da comunidade”, disse. Para Vital, o SUS promoveu notáveis avanços na assistência em saúde. Ele citou como exemplo os programas de vacinação coletiva, de controle da Aids e de transplante de órgãos.
Na opinião do dirigente, no entanto, esses avanços não são suficientes para que o sistema cumpra integralmente sua missão. “O SUS desenhado pela Constituição de 1988, caracterizado pela universalidade, pela integralidade e pela participação social permanece, em grande parte, limitado a intenções. Sua construção enfrenta os desafios do financiamento, do modelo institucional, do modelo de atenção à saúde, da gestão do trabalho e da participação social”, acrescentou.
A defesa da regulamentação imediata da Emenda Constitucional nº 29 (que trata do financiamento da assistência em saúde), a qualificação da gestão do sistema, a defesa de projetos de lei que tratam de responsabilidade sanitária e a busca de uma vaga de representação permanente de médicos no Conselho Nacional de Saúde (CNS) são algumas das ações que Carlos Vital listou como prioritárias para que as entidades médicas promovam o fortalecimento do SUS.
Ao final, Vital apresentou números que indicam a insuficiência de financiamento do Sistema Único de Saúde: no Brasil, os gastos públicos em saúde, de acordo com dados do Ministério da Fazenda, representam 45,3% dos gastos totais; nos países europeus, que criaram sistemas de saúde públicos universais, os gastos públicos na área estão situados na faixa dos 70%.


Institucional Câmaras Técnicas Comissões de Ética Conheça o CREMERS Contas Públicas Delegacias Diretoria Palavra do Presidente Vídeo Institucional História Cremers

Serviços Área do Médico Busca Empresas Busca Médicos Ativos CBHPM Concurso Emissão de Boleto Empregos Eventos Inscrição de Empresas Inscrição Médicos Licitações Pareceres e Resoluções Perguntas Freqüentes Pessoa Jurídica Propaganda Médica Registro de Especialidade Médica

 

 

Imprensa Artigos Assessoria Informativo Cremers Notícias Twitter

Publicações Apresentações para Download Biblioteca Código de Ética Médica Código PEP Regimento Interno dos Corpos Clínicos

 

Contato Fale com o CREMERS Fale com o Presidente Ouvidoria

 

 

 

Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul - Copyright 2017 ©
Av. Princesa Isabel, 921 - Bairro Santana
Porto Alegre - RS - CEP: 90620-001
Telefone: (51) 3219-7544
Fax: (51) 3217-1968
E-mail: cremers@cremers.org.br
Horário de Atendimento:
De segunda-feira a sexta-feira
Das 08h40min às 18h00min